19.4.07

Baseado em fatos reais?

Dois amantes felizes não têm fim nem morte,

nascem e morrem tanta vez enquanto vivem,

são eternos como é a natureza.

Pablo Neruda

3 comentários:

Patry disse...

Oi !!! Depois de tanto tempo voltei aqui! Que bom que voltou a postar com frequência,já li tudo, me atualizei. Agora voltarei sempre prometo!!!

Lindo o poema! Acredito nisso, os amentes felizes renovam o seu amor de tempos em tempos!

Beijos

pedrita disse...

gosto muito do pablo neruda também. descobri o seu blog no da marion. gostei muito. beijos, pedrita

Rodrigo Soares disse...

Neruda Rulez!