23.4.07

Sem você eu não sou nada

Without You I'm Nothing (tradução)
Placebo
Sem você eu não sou nada
Estranha paixão parece encantar a maré de noite
Eu levarei isso ao seu lado
Tal imaginação parece ajudar os sentimentos deslizados
Eu levarei isso ao seu lado
Correlação imediata bombeia e gera um pacote de mentiras
Eu levarei isso ao seu lado
Saturação extra enrola a pele e bronzeia o couro
Eu levarei isso ao seu lado
Tick tock
Tick tock
Tick Tick
Tick
Tick
Tick Tock
Eu sou um sujo, um libertino
E toda vez que você desabafa sua melancolia
Eu pareço perder o poder da fala
Você está deslizando lentamente de meu alcance
Você me cultiva como uma sempre-viva
Você nunca viu meu lado solitário.
Eu
Leve o plano, gire lateralmente
Eu Caio
Sem você eu não sou nada
Sem você eu não sou nada
Sem você eu não sou nada
Leve o plano, gire lateralmente
Sem você eu não sou nada.

4 comentários:

Marion disse...

Oi Dê! Não conheço esta música, pelo menos não de nome. Mas gosto do Placebo!

eis meu e-mail: patryfolz@gmail.com

Beijos

Luís Fernando disse...

Buenas.
Dê, estava com saudade deste teu blogue.
Por onde anda o Rodrigo? Ele nunca mais deu sinal de vida, espero que tudo esteja bem. =)
Fora isso, Placebo é muito foda! Mas dizem que eles não cantaram "Pure Morning" no show de Sampa, isso é imperdoável, acho a melhor música deles.
Tu já leste os "Cem Sonetos de Amor" do Neruda? Procure naquelas prateleiras dos livros de bolso da L&PM. Vale cada centavo.
Se cuida, 29 beijos.

pedrita disse...

tenho que confessar que não é a melhor letra que já li, mas não lembro a música, talvez ajude a gostar mais. beijos, pedrita

Rodrigo Soares disse...

Muito foda essa música...